13.4.17

Entenda o referendo que acontecerá na Turquia

Neste domingo 16 de abril, haverá uma importante votação na Turquia que decidirá o futuro do país. 

Os cidadãos turcos irão as urnas votar em um referendo constitucional, onde o resultado dos votos poderá alterar o atual sistema político do país. 

Atualmente a Turquia é uma república democrática, multi-partidária e secular, com um sistema de governo parlamentarista. O governo é chefiado por um primeiro-ministro e composto pelo conselho de ministros. A votação pretende mudar a Constituição, com o fim do cargo de primeiro-ministro e o reforço do poder do presidente com a mudança do sistema governamental.

Em caso de vitória do ‘Sim’, após a mudança na Constituição o atual presidente Recep Tayyip Erdoğan poderá permanecer no poder até 2029.

Os que defendem o voto "sim" argumentam que as mudanças são necessárias para uma Turquia forte e estável e que uma presidência executiva traria fim aos governos instáveis ​​que dominaram a política turca desde a década de 1960 até 2002. Já os que defendem o "não" argumentam que as propostas concentrariam demais o poder nas mãos do presidente, retirando a autoridade legislativa do Parlamento. Críticos argumentam que o sistema proposto seria semelhante a uma "ditadura eleita" levando o país a um "suicídio democrático".

Não darei minha opinião pessoal sobre o assunto pois religião, futebol e política são assuntos que não se discutem, mas espero os cidadãos tenham sabedoria na hora da votação. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário