29.12.15

A Turquia e os Animais...




Os otomanos tinham uma grande afeição por gatos, tanto que houveram vários hospitais estabelecidos em cidades por todo o império dedicados exclusivamente ao atendimento de gatos, alguns dos mais notáveis sendo o hospital para gatos em Üsküdar e um em Dolmabahçe, Istambul. 
Fundações (Vakif) foram estabelecidas para garantir que os gatos fossem alimentados e bem cuidados pelo governo. O barão Wenceslas Wratislow observou em suas memórias, publicadas em 1599, o amor extraordinário que os otomanos tinham pelos gatos, que estava em grande contraste com a visão europeia sobre estes animais, sempre considerados na cultura europeia cristã como simbolo do mal e associados a bruxas.

Os otomanos foram inspirados pelo Profeta Muhammad a amar gatos, pois é parte da religião islâmica o bom trato com os animais. Uma das histórias mais conhecidas sobre o Profeta Muhammad foi que ele teria cortado a manga de sua roupa fora, quando ouviu o chamado para oração, ao invés de perturbar seu gato, Muezza, que tinha adormecido sobre a roupa. Um dos companheiros do Profeta Muhammad foi nomeado Abu Huraira, "Pai do gatinho" por causa de seu amor por um pequeno gato que ele costumava levar com ele onde quer que ele fosse. Em outra narrativa, o profeta Muhammad contou a seus companheiros de ter visto uma mulher ser condenada ao inferno por ter deixado seu gato preso em casa morrer de fome.

Em todo o Oriente Médio, os gatos foram cuidado por seu valor como caçadores de ratos e outros animais nocivos. Eles eram considerados puros e eles eram bem-vindos na casa das pessoas.

Ainda nos dias de hoje - muitos anos depois do Império Otomano, os animais são muito bem tratados na Turquia. Em Istambul, as pessoas costumam alimentar os animais de rua e nos próprios mercados é vendido pequenos pacotinhos de ração que as pessoas compram para alimentar os bichinhos. 
Vejo algumas pessoas que andam com saco de ração na bolsa e saem distribuindo para os animaizinhos da rua.
Também é comum por aqui algumas casas ou pet shops colocar casinhas na janela ou na porta para abrigar os bichinhos, especialmente nesta época de frio intenso.
Uma vez estavamos na Starbucks. Era um dia de inverno e estava muito frio. A funcionaria da loja pegou um potinho, colocou leitinho e ofereceu aos gatinhos que estavam no frio da rua. 
Adoro a forma como os turcos tratam bem os animais! 





                        

                        


                                      

Um comentário:

  1. Oi oi!
    Antes de tudo, devo lhe parabenizar pelo blog lindo. Eu adoro seu trabalho, acompanho desde o começo do blog. Tanto que ele me inspirou a começar meu próprio blog com minhas amigas. Será que você poderia dar uma olhada pra dizer como estamos nos saindo? Seria uma honra ter você nos seguindo. <3
    http://particulasinfinitas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir